segunda-feira, 9 de março de 2015

Os melhores alimentos para evitar o mau odor corporal

Uma alimentação incorreta, excessivamente rica em gorduras e proteínas animais, pode ser a  causa do mau odor corporal, um problema que se agrava com a chegada do calor. Para evitar este comprometedor problema é conveniente aumentar o consumo de alimentos "desodorizantes".

Alface: a alface é um alimento rico em clorofila, uma substância que atua como um excelente bactericida natural. Se comer alface diariamente reduzirá consideravelmente o número de bactérias causantes do mau odor corporal. 

Alcachofras: as alcachofras são um dos alimentos mais benéficos para o bom funcionamento do fígado. Este órgão é o encarregado de transformar as substâncias tóxicas do organismo, pelo que, se estimularmos o seu funcionamento, o mau odor corporal deixará de ser um problema. Coma alcachofras duas vezes por semana ou prepare uma infusão com as suas folhas.

Rabanetes: são um dos alimentos desodorizantes mais completos. Têm ação antibacteriana, ajudando a depurar o organismo. Também estimulam o funcionamento do fígado, fazendo com que este elimine as toxinas mais rapidamente. Um outro benefício é que os rabanetes dificultam a absorção das gorduras no corpo.

Cogumelos: os alimentos ricos em vitamina B5 (niacina) têm a virtude de desodorizar o corpo. Os cogumelos ajudam a eliminar as gorduras e as toxinas do organismo.

Infusões que purificam

Algumas plantas ajudam a desintoxicar o organismo e, portanto, a evitar o mau odor corporal.

Boldo: em infusão, o boldo é um excelente remédio depurativo. Estimula a atividade do fígado e desintoxica o sistema urinário. Beba uma infusão de boldo por dia e terá um verão sem maus cheiros.

Ingredientes

1 colher (de café) de folhas secas de boldo
1 chávena (de chá) de água a ferver

Preparação

Infunda as folhas de boldo na água fervente durante 10 minutos. Coe.

Utilização

Deixe arrefecer e beba. 

Aviso! Não tome infusão de boldo por mais de 4 semanas seguidas. Está contraindicado. Também está contraindicado durante a gravidez e a amamentação.

Salva: a infusão desta planta ajuda a controlar o suor excessivo, sobretudo o suor da menopausa. Tome uma chávena por dia e verá como nota a diferença.


Ingredientes

1 colher (de café) de salva seca
1 chávena (de chá) de água a ferver

Preparação

Infunda a planta na água fervente durante 10 minutos. Coe.

Utilização

Deixe arrefecer e beba. Tome durante uma temporada e descanse antes de retomar. 

Aviso! A salva está contraindicada durante a gravidez e a amamentação.

A dieta verde que refresca

Fruta e verdura crua. Os alimentos que refrescam o seu corpo são todas as frutas e as verduras, sobretudo se as consumir cruas.

Alimentos "cheirosos". Há alimentos como o alho, a cebola, a couve, o café e o álcool, que contêm umas substâncias que podem causar mau odor corporal. Evite-os no verão.

Não abuse das gorduras. As pessoas que comem poucas gorduras (de origem animal) tendem a transpirar menos. Por isso vale a pena reduzir a quantidade de alimentos gordurosos.

Evite as especiarias. Os molhos fortes, como a mostarda, ou os condimentos como a pimenta, piri-piri, etc., aumentam o suor. Evite-os no verão.

Nem frio, nem quente. Tanto as bebidas muito quentes - café, chá - como as muito frias - sobretudo a cerveja - fazem suar mais. Prefira uma temperatura mais normal.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...