terça-feira, 30 de setembro de 2014

Creme redutor de celulite: receita caseira

Os cremes redutores caseiros são poderosos: eles travam uma luta não só contra a gordura localizada, mas também contra a flacidez. Além disso, renovam a pele, deixando-a mais lisa e aveludada (o que também disfarça as ondulações da celulite). E os resultados ainda serão melhores se fizer uma massajem enquanto espalha o creme no corpo. É simples, rápido e eficaz.

Se já se alimenta de maneira saudável e faz exercício físico regularmente, mas quer alcançar melhores resultados o mais rapidamente possível, experimente este creme caseiro que a ajudará a eliminar as gordurinhas mais difíceis e a polir o seu corpo num espaço mais curto de tempo.

Creme redutor e reafirmante mentolado



Ingredientes

2 colheres de polpa de aloé vera
1 colher de álcool
2 colheres de creme mentolado

Preparação

Misture bem todos os ingredientes.

Utilização

Aplique com massagens circulares nas zonas que deseja reduzir e reafirmar, durante 5 minutos. Cubra a área com película transparente de cozinha e deixe até que comece a sentir calor. Retire o que sobrou da mistura com água fria.

Como pode ver, este creme redutor caseiro é muito fácil de confecionar e os seus ingredientes estão ao seu alcance. Só tem que o preparar e ser constante para começar a notar bons resultados.

Banho quente anti-celulite



Ingredientes

3 l de água
7 colheres (de sopa) de folhas de louro
5 colheres (de sopa) de folhas de hera

Preparação

Ferva as ervas na água durante 15 minutos. Deixe repousar durante 30 minutos e coe a mistura. Acrescente o líquido obtido à água da banheira.

Utilização

Entre na água e fique imersa durante 20 minutos. Não se enxagúe ao sair do banho. A sua pele absorverá os elementos presentes nestas plantas que ajudam a queimar gordura.

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Remédios caseiros para tratar as microvarizes (pequenas varizes)

As microvarizes são pequenas veias dilatadas, tortuosas, situadas por debaixo da pele. Embora, no geral, estas pequenas varizes sejam inofensivas, elas são bastante inestéticas.

Porque é que aparecem?

São várias as razões que levam ao surgimento das pequenas varizes. Passar muito tempo de pé é uma delas. Isto, por causa da alta pressão do sangue nas veias. As hormonas femininas são outro motivo. Durante a toma da pilula ou durante a gravidez, aumenta a chance de sofrer pequenas varizes. Uma outra razão é o uso de saltos altos. Usar saltos muito altos gera pressão sanguínea nas pernas, causando a dilatação das veias.
Se sente vergonha em mostrar as suas pernas por causa das pequenas varizes que começaram a enfeitá-las, saiba que não está só e, sobretudo, que é possível solucionar ou, pelo menos, melhorar o seu problema. Se se quer ver livre dessas varizezinhas que apareceram nas suas pernas, coxas ou até nas suas nádegas,  os remédios da avó podem dar-lhe uma ajudazinha.

Remédios naturais contra as microvarizes

Chá de camomila e vinagre de sidra



Ingredientes

1 saqueta de chá de camomila
1 chávena (de chá) de água fervente
2 colheres (de sopa) de vinagre de sidra

Preparação

Infunda a saqueta de chá na água fervente durante 10 minutos. Acrescente o vinagre de sidra.

Utilização

Mergulhe um algodão no chá ainda morno e aplique-o na zona das varizes, de manhã e à noite.  Faça-o de vez em quando para obter bons resultados.

Óleos



Ingredientes

2 colheres de óleo de amêndoas doces
2 colheres de óleo de fígado de bacalhau

Preparação

Misture os dois ingredientes.

Utilização

Aplique sobre as varizes e deixe repousar durante 1 hora, com as pernas ligeiramente elevadas, antes de enxaguar com água.  Seja constante.

Infusão de ervas



Ingredientes

1 l de água fervente
1 colher (de sopa) de camomila
1 colher (de sopa) de menta
Umas folhinhas de louro
1 colher (de chá) de bicarbonato de sódio

Preparação

Infunda as ervas na água fervente até que esta arrefeça.  Coe a infusão e acrescente o bicarbonato de sódio.

Utilização

Use a água obtida para banhar as suas pernas. Repita o tratamento de vez em quando. 

domingo, 21 de setembro de 2014

Faça o seu próprio perfume de baunilha

Gosta de perfumes? Então acrescente mais um à sua  coleção,  mas desta vez feito por si. Sentir-se-à como  a versão feminina de Jean-Baptiste Grenouille, o protagonista do livro "O Perfume", do escritor alemão Patrick Suskind.
Aventure-se nos odores. Explore o seu sentido do olfacto e crie a sua fragrância  exclusiva, à base da doce baunilha.  Anote a receita.

Ingredientes



1 vagem de baunilha
Álcool
Óleo de jojoba
Filtro para café
Faca
2 frasquinhos de vidro

Preparação

Abra a vagem de baunilha ao meio e, com a faca, raspe as sementinhas do interior. Deite num dos frascos. Corte o resto da vagem aos pedacinhos e acrescente também ao frasco. Acrescente álcool até cobrir a baunilha. Tape o frasco e deixe repousar a mistura num local quente e seco da sua casa durante  4 semanas. Durante este tempo vá agitando a mistura regularmente, ao menos 3 vezes por semana. Passado o tempo de espera, coe a mistura através do filtro de café. Depois, verta o líquido obtido no outro frasquinho limpo e acrescente 12 gotas de óleo de jojoba. Pronto. Já tem o seu perfume exclusivo.

Utilização

Aplique como qualquer outro perfume.  É fascinante!

sábado, 20 de setembro de 2014

Peeling de algas marinhas (receita caseira)

O peeling de algas marinhas serve para purificar e rejuvenescer a pele. Isto é assim porque este tratamento elimina as células mortas da superfície do rosto e favorece a formação de células novas nas camadas mais profundas da pele. Resultado: uma pele mais suave e uniforme, redução dos poros, aclaramento das manchas, esbatimento das linhas de expressão e até melhorias na aparência das pequenas cicatrizes.


Ingredientes

Sumo de 1 limão
Sumo de 1 laranja
1 colher (de sopa) de gelatina neutra em pó
1 colher (de sopa) de algas marinhas em pó

Preparação

Misture os sumos e aqueça a mistura no microondas durante uns segundos (de maneira que fique quentinha, mas não ferva). Dissolva a gelatina e as algas em pó no sumo quente. Mexa para que tudo se misture bem e deixe o preparado repousar durante uns minutos.

Utilização

Aplique a mistura no rosto limpo, evitando os olhos e a boca. Massaje delicadamente durante 1 ou 2 minutos e depois deixe o preparado atuar na pele durante mais 15 ou 20 minutos. Enxagúe bem com água morna para eliminar todos os restos. No fim, não se esqueça de aplicar o seu hidratante habitual.

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Implantes dentários: substituir a perda de um dente da maneira mais natural

O mantimento de uma dentadura saudável e completa é fundamental para o correto funcionamento do nosso organismo e para desenvolver uma vida social satisfatória. No entanto, qualquer pessoa pode sofrer a perda de um dente e, neste caso, torna-se necessária a sua substituição. Os implantes dentários, além de discretos, substituem os dentes perdidos de forma cómoda e eficaz.

O que são os implantes dentários?

Um implante é uma pequena peça em forma de parafuso, de um material biocompatível especial, geralmente titânio, que uma vez instalada no osso maxilar se "funde" com este ao fim de umas quantas semanas (o que se conhece como osseointegração). Os implantes comportam-se assim como raízes de dentes ausentes que permitem a fixação das próteses substitutas dos dentes perdidos.

Fases do tratamento

De uma maneira geral, se bem que existem variações, os passos para colocar um implante consistem em:

1 - Estudo, avaliação e planificação. É necessário fazer uma análise médica e odontológica prévia da situação de cada paciente. Nesta fase avalia-se a saúde dental, a qualidade óssea do maxilar e da mandíbula e os hábitos de higiene da pessoa. No caso de o diagnóstico aconselhar a implantação, planificar-se-á o programa de tratamento e far-se-á a intervenção.

2 - Colocação cirúrgica do implante. Esta intervenção é feita geralmente no consultório, sob anestesia local. Corta-se a gengiva e lavra-se um leito no qual se introduz o implante. Uma vez colocado, sutura-se a gengiva, deixando o implante totalmente enterrado sob ela. O osso crescerá à volta da nova raiz.

3 - Cicatrização. O implante tem que se integrar no organismo. A sua união ao osso produz-se na fase da osseointegração, que dura de 3 a 6 meses. Ao longo deste tempo, os implantes estão sob a gengiva e vão-se unindo de forma gradual ao osso. Enquanto dura esta fase, o paciente usará uma prótese provisória e irá a consultas periódicas.

4 - Colocação dos pilares para a prótese. O implante é descoberto mediante uma pequena incisão na gengiva e coloca-se em cima uma pequena peça que servirá de suporte aos dentes artificiais.

5 - Finalmente, coloca-se a coroa de porcelana.

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Flores de Bach: Rescue Remedy

O Rescue Remedy é um dos remédios mais conhecidos das chamadas Flores de Bach. Trata-se de uma combinação de essências florais que foi composta pelo dr. Bach, daí o seu nome. Pode aplicar-se em situações de emergência e stress, proporcionando uma tranquilidade e relaxamento emocional imediatos. A combinação de essências florais que compõem a fórmula do Rescue Remedy é a seguinte:


Cherry Plum: ajuda a controlar a situação.

Clematis: devolve-nos à realidade.

Impatiens: acalma e relaxa.

Star of Bethlehem: repara o trauma.

Rock Rose: tira o pânico e o terror.

A descoberta do dr. Bach

O dr. Bach, médico inglês de finais do século XIX, considerava que as doenças físicas tinham causas emocionais. Por isso, se os conflitos emocionais subsistissem durante muito tempo, o corpo adoecia. Um dia, atravessando um campo cheio de orvalho, observou que cada gota de orvalho aquecida pelo sol adquiria as propriedades curativas da planta. Isto levou-o a desenvolver um método com o qual conseguiu encontrar 38 remédios naturais, cada um com propriedades curativas para diferentes problemas emocionais. Cada remédio floral ajuda a afrontar uma emoção especifica e deve ser tomado de acordo com o que a pessoa está a sentir no momento.

Cada flor uma propriedade

As 38 flores de Bach dividem-se em 7 categorias de grupos emocionais.

Se sente desalento ou desespero, as Flores de Bach indicadas são: Larch, Oak, Crab Apple, Star of Bethlehem, Willow, Elm, Pine, Sweet Chestnut.

Se sente falta de interesse pelo presente, as Flores de Bach indicadas são: White Chestnut, Olive, Wild Rose, Honeysuckle, Chestnut Bud, Clematis, Mustard.

Se sente medo, as Flores de Bach indicadas são: Mimulus, Red Chestnut, Cherry Plum, Roch Rose, Aspen.

Se sente insegurança, as Flores de Bach indicadas são: Hornbeam, Gorse, Gentian, Scleranthus, Wild Oat, Cerato.

Se sente hipersensibilidade em relação áquilo que a rodeia, as Flores de Bach indicadas são: Holly, Centaury, Agrimony, Walnut.

Se sente uma preocupação excessiva com os outros, as Flores de Bach indicadas são: Vine, Beech, Chicory, Rock Water.

Se sente solidão, as Flores de Bach indicadas são: Heather, Impatiens, Water Violet. 

O terapeuta especializado, uma ajuda importante

O segredo do êxito da terapia floral consiste em saber reconhecer o estado emocional em que a pessoa se encontra. Por isso, é conveniente procurar a orientação de um terapeuta especializado em terapia floral para que a pessoa seja orientada na escolha da essência floral que mais lhe convém em função do seu estado de ânimo. Uma vez feita a combinação mais adequada, a melhor forma de tomar o Rescue Remedy é acrescentar 4 gotas a um copo de água e depois ir tomando pequenos goles dessa água. Cada gole de água fará com que aumente o efeito benéfico das flores, ajudando a recuperar a calma e a tranquilidade de forma rápida.

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Tratamento noturno para o cabelo com óleo de argão

Se gosta de mimar a sua cabeleira, tome nota do seguinte truque porque ele vai revolucionar a beleza e a saúde do seu cabelo durante este outono.


À noite, antes de dormir, aplique uma pequena quantidade de óleo de argão nos fios e apanhe o cabelo todo num coque (não aperte demasiado). De manhã, lave o cabelo normalmente. Em poucos dias notará os excelentes resultados: um cabelo mais suave e cheio de brilho e vitalidade.

domingo, 14 de setembro de 2014

Truques de beleza caseiros em 5 minutos!

Sei que tem muita coisa para fazer e pouco tempo. É a casa, o trabalho, o marido, os filhos, a faculdade, o namorado... Ufa! Tem razão. Tempo não lhe sobra. Mas isto não deve significar nunca que é impossível cuidar de si. Até porque pode cuidar da sua beleza em muito poucos minutos. Veja alguns exemplos de truques de beleza caseiros e ultra rápidos, para que a partir de agora possa passar a prestar mais atenção a si mesma.


Elimine essa borbulha. Acorda e a primeira coisa que vê quando se olha ao espelho é uma borbulha? Que tortura! A maldita borbulha! Para a fazer desaparecer depressa só tem que lavar o rosto com água e sabonete neutro e, em seguida, aplicar em cima da borbulha uma papinha feita com um pingo de sumo de limão e uma pitada de bicarbonato de sódio. Deixe a mistura atuar sobre a borbulha durante 5 minutos e retire com água. Pronto. Repita o truque uns quantos dias seguidos e adeus borbulha.

Bye Bye inchaço debaixo dos olhos. É normal que apareça. Todas acordamos assim de vez em quando. Mas isto não significa que tenha que se render a esses papos debaixo dos seus olhos. Muito pelo contrário. A ordem é fazê-los desaparecer. De preferência, imediatamente. Ponha uma colher pequenina no congelador durante 5 minutos. Vá aplicando a colher fria sobre a zona do inchaço, uns segundos de cada vez, durante uns minutos. Verá como desaparece.

Lábios secos. Em apenas 5 minutos voltará a ter uma boca saudável e fresca. Passe batom do cieiro nos lábios e aplique em cima uma pitada de açúcar. Com o seu dedo, vá massajando para eliminar as células mortas. Deixe ficar mais 3 minutos e enxagúe com água morna. Passe batom do cieiro outra vez e verá o resultadão!

Cabelo rebelde. Acordou com os fios num desalinho e não tem muito tempo para dedicar ao seu cabelo? Não desanime. Humedeça o cabelo e passe umas gotas de óleo de argão, madeixa por madeixa. Depois, é só pentear-se como habitualmente. Verá como doma os seus cabelos rebeldes.

Cuide de si!

sábado, 13 de setembro de 2014

Sabonete caseiro com restos

Se tem restos de sabonetes na sua casa de banho, não os deite fora. É possível aproveitá-los para preparar sabonete líquido caseiro.

Fazer sabonete líquido a partir de sobras de sabonetes é poupar dinheiro. Pode preparar este sabonete facilmente em casa, em pouco tempo, e depois utilizá-lo para lavar as suas mãos.


Ingredientes

Restos de sabonetes
Sumo de 1 limão
Água a ferver
1 colher (de chá) de glicerina

Preparação

Rale os restos de sabonetes e deite-os num frasco. Junte-lhes o sumo de limão e em seguida acabe de encher o frasco com a água a ferver. Mexa para dissolver e depois acrescente a glicerina. Deixe arrefecer e está pronto.

Utilização

Agite o frasco de vez em quando se lhe parecer que o sabonete começa a gelificar e use-o para lavar as suas mãos.

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Truques caseiros para fazer crescer as pestanas

As pestanas são a moldura dos nossos olhos. E mesmo que o Rimel seja um cosmético excelente para as embelezar, ter naturalmente umas pestanas longas e arqueadas é um objetivo de beleza para todas nós mulheres. Mas há um senão: as pestanas crescem muito mais lentamente do que o cabelo e algumas mulheres, com grande desgosto delas, têm as pestanas curtinhas.

Existe solução? É claro que sim! Veja abaixo alguns truques caseiros que a poderão ajudar a conseguir umas pestanas de sonho.

A alimentação conta!

Um aspeto fundamental a ter em conta para estimular o crescimento das pestanas é a alimentação. Existem vitaminas e minerais que são essenciais para a boa saúde das pestanas e para favorecer o seu crescimento.

Vitamina H - Biotina

Esta vitamina ajuda a que o cabelo cresça mais e de forma mais saudável, pestanas incluídas. Pode encontrar esta vitamina em alimentos como a gema de ovo, as sardinhas, leguminosas e nozes.

Ácidos Ómega 3

São essenciais para um cabelo saudável e bem nutrido. Escolha peixes ricos em ómega 3, como o salmão e a sardinha ou a cavala, para dar uma ajudinha no crescimento das suas pestanas.

Antioxidantes

Uma dieta rica em antioxidantes promove um cabelo e umas pestanas saudáveis. Alimentos ricos em antioxidantes: cerejas, maçãs, pêras, vegetais de folha verde, leguminosas, peixes, nozes e azeite virgem.


Receita caseira para estimular o crescimento das pestanas

Esta receita caseira de beleza ajudá-la-à a conseguir umas pestanas mais longas e volumosas.

Ingredientes

1 gota de óleo de rícino
1 gota de baunilha (natural)

Preparação

Misture os dois ingredientes.

Utilização

Aplique o preparado nas pestanas com a ajuda de um cotonete de algodão ou com uma escovinha para pestanas. Tenha muito cuidado para que não lhe entre preparado nos olhos. Faça-o à noite, antes de ir dormir. Pela manhã, lave com um algodão humedecido em água morna. Em pouco tempo notará os excelentes resultados.

Dica: se não tiver óleo de rícino ou baunilha, também pode usar vaselina. Aplique-a do mesmo modo. A vaselina também dá um ótimo resultado.

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Remédio caseiro para as estrias

Começam como uns risquinhos vermelhos que mais parecem pequenos arranhões. Depois, esses risquinhos vão aclarando até ficarem parecidos com pequenas cicatrizes. Já não há dúvidas: são as temíveis estrias que tanto detestamos.

Para evitar as estrias, não há nada melhor do que hidratar a pele constantemente. Este é verdadeiramente o único modo de as prevenir. E, já agora, o melhor momento para aplicar o óleo ou o creme hidratante é logo após o banho. Nos 5 minutos a seguir ao banho a pele está quentinha e recetiva, absorvendo melhor qualquer produto que se lhe aplique.

Mas você tem seguido as instruções à risca: hidrata diariamente, massaja, bebe água, cuida da alimentação para não subir ou descer de peso bruscamente, etc, etc, e mesmo assim as danadas apareceram. Acontece. Mas não desanime. Sei de um truque caseiro excelente que, além de prevenir o surgimento das estrias, também melhora a aparência das já existentes. Tome nota.

O abacate, uma fruta com uma extraordinária capacidade para regenerar e aumentar a elasticidade da pele, é perfeito como remédio caseiro para tratar as estrias.

Ingredientes



Polpa de 1/2 abacate
1 colher (de sopa) de sumo de limão
1 colher (de sopa) de mel

Preparação

Esmague a polpa do abacate e acrescente o mel e o sumo de limão. Mexa para obter um preparado homogéneo.

Utilização

Aplique a mistura nas zonas afetadas pelas estrias, massajando em sentido circular. Deixe atuar durante 20 minutos e depois enxagúe a pele com água fria. No fim, não se esqueça de aplicar umas gotas de óleo de amêndoas doces para manter a pele bem hidratada.

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Como emagrecer e firmar os braços flácidos

Odeia os seus braços flácidos? Fofos, gorduchos e com a pele pendurada? Tem toda a razão. O aspeto dos braços influi muito na estética feminina. Por isso, se começou a notar que a textura dos seus braços em movimento se parece a uma sobremesa de gelatina, chegou o momento de atacar. Mas já!

Os braços gorduchos e flácidos, também conhecidos como "asas de morcego" (que crueldade!), podem ser motivo de vergonha para algumas mulheres. Os depósitos de gordura armazenados nos braços tendem a concentrar-se nesta zona porque o corpo quer mantê-los como reserva de energia. E não é fácil livrar-se deles. Mas também não é impossível. Veja.

Uso interno

Chá de salsa

O chá de salsa contém poderosos antioxidantes, tem efeitos diuréticos e ajuda a controlar e equilibrar as hormonas responsáveis pelo armazenamento de gordura em algumas partes do seu corpo como os braços.

Ingredientes



2 pézinhos de salsa
2 rodelas finas de limão
200 ml de água

Preparação

Pique a salsa e introduza-a, juntamente com as rodelas de limão, no difusor de chá. Acrescente a água a ferver e deixe repousar durante 10 minutos. Retire o difusor e a bebida está pronta.

Utilização

Beba em seguida. Tome dois destes chás por dia, todos os dias durante uma semana. Depois, para se manter, vá consumindo este chá com alguma regularidade.

Aviso! O chá de salsa está desaconselhado às mulheres grávidas ou que pretendam engravidar e também às mulheres que amamentam.

Batata doce

As batatas doces são alimentos de baixo índice glicémico e, tal como a salsa, também controlam as hormonas ligadas aos depósitos de gordura nos braços. Desfrute das batas doces na sua alimentação diária. Prepare panquecas de batata doce para o seu pequeno-almoço, "falsas batas fritas" no forno para o almoço e batas doces assadas no forno para o jantar. Coma 1 batata doce em cada refeição, todos os dias durante uma semana. Depois passe a consumir batata doce na sua alimentação com alguma regularidade.

Uso externo

Creme redutor e reafirmante

O creme redutor reafirmante dá-lhe uma ajudinha extra para acabar com essa gordura difícil na parte superior dos seus braços. E apesar de existirem à venda excelentes cremes redutores que pode adquirir, é muito recomendável que faça o seu próprio creme redutor em casa, porque gastará menos e terá resultados ainda melhores.

Ingredientes



1 clara de ovo
1 folha de aloé vera
1 colher de sopa de creme anti-celulite

Preparação

Retire o gel do interior da folha de aloé vera. Misture o gel obtido com o creme anti-celulite. Acrescente a clara de ovo e mexa muito bem para obter um preparado homogéneo.

Utilização

Aplique generosamente nos braços, envolva a zona com uma película transparente de cozinha e deixe atuar durante 30 minutos. Depois enxagúe com água fria. No fim, não se esqueça de passar o seu hidratante corporal habitual. Sim! Os seus braços também precisam de hidratação diária.

Exercício

Troque os braços flácidos por uns braços firmes com este exercício poderoso.


De pé, com as costas retas, afaste os pés e mantenha os joelhos semifletidos. Com os braços estendidos ao longo do corpo, segure um peso de 1 quilo em cada mão. Com as mãos voltadas para o corpo, dobre os braços até à altura dos ombros. Volte à posição inicial. Faça 2 séries de 15 repetições. Quando o exercício já for mais fácil para si e se sentir capaz, aumente a carga e as séries.

terça-feira, 9 de setembro de 2014

Benefícios do café verde para emagrecer

Primeiro foi a moda do chá: verde, vermelho, preto ou branco, havia um chá para cada gosto, necessidade e ocasião. Agora é a vez do café verde. Com provados benefícios para a saúde e a boa forma, o café verde é a nova moda entre as mulheres. Vale a pena saber um pouco mais acerca dele. Veja.

O que é o café verde?

O café verde é simplesmente um café por torrar. Uma vez que não passa pelo processo de torrefação, o café verde tem menos aroma e um sabor diferente e também é mais amargo.


Benefícios do café verde

- Este tipo de grão de café sem torrar ajuda a perder peso de forma relativamente rápida, especialmente se se combina o consumo de café verde com a prática de uma boa alimentação e exercício físico adequado.

- O consumo de café verde também é recomendado para a diabetes tipo 2, devido ao seu poder para regular os níveis de açúcar no sangue.

- Outros benefícios: o café verde previne a formação de cálculos biliares, reduz a sensação de cansaço e a fadiga e é ideal para reforçar a memória.

Como preparar os grãos de café verde?

Meça 50 grãos de café verde para 1 litro de água. Ponha a mistura numa cafeteira e leve-a ao lume para ferver durante 10 minutos. Retire do lume, coe e deixe arrefecer.

Se se usar o café verde com a intenção de perder peso, devem beber-se duas chávenas da mistura por dia. Uma das chávenas deve tomar-se de manhã e a outra à tarde, já que o café verde tomado à noite poderia causar problemas para conciliar o sono.

Mel ou Stevia podem ser acrescentados ao café verde para melhorar o seu sabor.

Em lojas especializadas também pode encontrar café verde em pó, solúvel e em cápsulas. Deve tomar estes tipos de café verde conforme indicado nas respetivas embalagens.

Contra-indicações do café verde

O café verde está contra-indicado em mulheres que sofram de tensão alta, nervosas, com gastrite crónica, úlcera gastro-duodenal e problemas hepáticos. Mulheres grávidas ou que amamentam também devem abster-se. O mais aconselhável em caso de dúvida é consultar a opinião do seu médico ou farmacêutico.

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Menino ou menina? Métodos naturais para escolher o sexo do seu bebé

Como escolher naturalmente o sexo do seu bebé?

Quer engravidar e decidir o sexo do seu futuro bebé? Então programe as relações para engravidar de um menino ou de uma menina. Existem truques que se baseiam nas diferenças entre os espermatozóides Y (menino) e os espermatozóides X (menina), para determinar o sexo do bebé de acordo com o dia fértil que escolher para ter relações com vista à fecundação.

Mas primeiro...

Uma pequena informação para que entenda como se define o sexo do bebé. Um embrião fecundado de um menino é XY e o de uma menina é XX. O óvulo da mulher é sempre X. Os espermatozóides são X e Y. Se um espermatozóide X fecunda o óvulo, o bebé será uma menina; se for um espermatozóide Y a fecundar o óvulo, então o bebé será um menino.

Rápidos contra resistentes.

Os espermatozoides Y (menino) movem-se de forma mais rápida, mas são menores, mais delicados, débeis e vivem menos tempo. Logo, morrem se a fecundação não ocorre nas primeiras horas após ter mantido relações. Pelo contrário, os espermatozoides X (menina) movem-se de forma mais lenta, mas são maiores, mais resistentes e vivem mais tempo. Logo, aguentam melhor a espera da ovulação para poderem fecundar o óvulo.

Vejamos então: se tiver relações nas horas mais próximas à ovulação, há mais probabilidades de que o óvulo seja fecundado por um espermatozóide veloz (Y) e nasça um menino. Porém, se as relações ocorrerem 3 ou 4 dias antes da ovulação, as probabilidades de o óvulo ser fecundado por um espermatozóide X (menina) são maiores.


Para encomendar um menino: deve fazer todos os possíveis para que a fecundação se dê imediatamente (como se isto fosse fácil!), tendo relações no dia da ovulação. Nesse dia o seu companheiro não deve usar calças muito ajustadas nem banhar-se com água muito quente, porque o calor é prejudicial para os espermatozóides Y.

Para encomendar uma menina: Deve ter relações 3 ou 4 dias antes da ovulação. O seu companheiro pode também tomar um banho quente antes de manter relações, para que os espermatozóides Y (menino) não sobrevivam ao calor, aumentando assim as chances dos espematozóides X (menina).

Ácido contra alcalino.

Os espermatozóides Y (menino) são favorecidos por um meio alcalino e os espermatozóides X (menina) são favorecidos por um meio ácido. Portanto, recomenda-se o seguinte para conceber um bebé do sexo desejado:

Um menino: tenha relações o dia da ovulação, quando as secreções vaginais são mais alcalinas. Durante vários dias consuma alimentos que favoreçam o meio alcalino: comida mais rica em sal, carne, peixe, farináceos, macarrão. Evite leite e derivados, como iogurte, queijo e chocolate; além de nozes, frutos do mar e pão integral.

Uma menina: tenha relações 3 ou 4 dias antes da ovulação, quando as secreções vaginais são mais ácidas. Durante vários dias consuma alimentos que favoreçam o meio ácido: consuma bastante leite e derivados, como queijo e iogurte; além de comidas sem sal (ou com pouco sal), arroz, água, pouca carne e batata. Evite o vinho e a cerveja, espinafre, cogumelos café e chá.

Meses quentes contra meses frios.

Segundo a revista britânica Human Reproduction, os casais têm mais possibilidades de conceber um menino no outono/inverno e uma menina na primavera/verão. A explicação estaria em que os meninos são mais débeis que as meninas no útero materno e por isso, a natureza que é sabia, organiza as coisas de modo a que os meninos venham a ser dados à luz durante os meses mais cálidos do ano, aumentando assim as suas hipóteses de sobrevivência.

Frequentes contra esporádicas.

A frequência das relações também intervém na definição do sexo do bebé: se deseja um bebé menina é importante que tenha relações de forma mais regular, porque isto baixa a proporção de espermatozóides masculinos (Y) no sémen. Já as relações um pouco mais esporádicas favorecem a proporção de espermatozóides masculinos (Y), ajudando assim a aumentar as hipóteses de conceber um bebé menino.

Outros fatores.



Se procura algo mais cientifico, existem as técnicas de fertilização assistida, em que os espermatozóides X e Y são separados em laboratório, com vista a fecundar o óvulo com o esperma do sexo escolhido, aumentando cerca de 80% as possibilidades de ter o menino ou a menina desejados. Contudo, devo acrescentar que existem restrições éticas a esta prática. 

domingo, 7 de setembro de 2014

Tisana détox de limão

Sente-se extremamente cansada, a sua barriga incha como um balão após cada refeição e anda mais irritada do que nunca... A solução? Uma cura détox! E quando se fala de détox, não há nada melhor do que a seguinte tisana à base de limão que, além de purificar o seu organismo, também a ajudará a sentir-se mais leve e saudável em pouco tempo.

Tisana purificante de limão

Ingredientes



1 chávena (de chá) de água fervente
Sumo de 1/2 limão
Casca de 1/2 limão (não tratado)
1 folha de menta fresca

Preparação

Coloque a casca e o sumo de limão numa chávena vazia. Verta em cima a água fervente e tape a mistura durante 2 minutos. Acrescente a folha de menta.

Utilização

Coe e beba em seguida. Pode beber esta tisana em jejum durante uma temporada para aproveitar ao máximo todos os seus benefícios.

Benefícios: o limão ajuda a eliminar toxinas e a menta tem virtudes purificantes. Além disso, esta deliciosa tisana também a ajudará a manter o peso em ordem.

sábado, 6 de setembro de 2014

Vírus do Ébola: prevenção

Surgido num rio do Zaire em meados dos anos 70, o vírus do Ébola é um dos mais mortíferos que existem. Saiba como se transmite, quais são os seus sintomas e, sobretudo, como preveni-lo.

Febre hemorrágica do Ébola

A febre hemorrágica do Ébola é uma doença grave e mortal que pode ocorrer em humanos e em primatas (por exemplo, macacos, gorilas).

A febre hemorrágica do Ébola é agora noticia a nível mundial devido ao seu potencial destruidor.

Causas:

A febre hemorrágica do Ébola é causada por um vírus que pertence à família chamada Filoviridae, do qual os cientistas identificaram cinco tipos. Quatro destes tipos causam a doença em humanos: vírus do Ébola-Zaire, vírus do Ébola-Sudão, vírus do Ébola-Costa do Marfim e vírus do Ébola-Bundibugyo. A doença em humanos tem estado até agora limitada a partes da África.

Hóspede natural do vírus do Ébola

Considera-se que os morcegos frugívoros em particular Hypsignathus monstrosus, Epomops franqueti e Myonycteris torquata, são possivelmente os hóspedes naturais do vírus do Ébola em África. Por isso, a distribuição geográfica dos Ébolavirus pode coincidir com a destes morcegos.

Sintomas iniciais da doença do Ébola

A doença do Ébola só se contagia depois de se iniciarem os sintomas. Os sintomas podem aparecer entre 2 e 21 dias depois da exposição.

Temos como sintomas principais da doença do Ébola, os seguintes:

Febre (mais de 38,6ºC);
Dor de cabeça;
Diarreia;
Vómitos;
Dor de estômago;
Sangramento ou hematomas sem causa aparente;
Dores musculares;
Debilidade;
Falta de apetite;
Dor de garganta;
Erupções cutâneas...


Transmissão do vírus do Ébola

O vírus do Ébola introduz-se na população humana por contacto direto com órgãos, sangue, secreções ou outros líquidos corporais de animais infetados. Em África documentaram-se casos de infeção associados à manipulação de chimpanzés, gorilas, morcegos frugívoros, macacos, antílopes e porco espinhos infetados, que tinham sido encontrado mortos ou doentes na selva.

Posteriormente, o vírus propaga-se na comunidade mediante a transmissão de pessoa a pessoa, por contacto direto com órgãos, sangue, secreções ou outros líquidos corporais de pessoas infetadas, ou por contacto com materiais contaminados por ditos líquidos.

Tratamento da doença do Ébola

Não há vacina contra o Ébola. Estão a ser experimentadas algumas, mas nenhuma está ainda disponível para uso clínico.

Os casos de Ébola requerem cuidados intensivos em meio hospitalar. Os doentes costumam estar desidratados e necessitam rehidratação por via intravenosa ou oral com soluções que contenham eletrólitos.

Previna-se contra o Ébola

Se não o puder evitar e tiver mesmo que viajar a uma zona em que se sabe que há casos da doença do Ébola, assegure-se que toma as seguintes precauções:

- Pratique cuidadosamente uma boa higiene.
- Evite o contacto com sangue ou líquidos corporais de infetados.
- Não toque em objetos que tenham podido estar em contacto com o sangue ou os líquidos corporais de uma pessoa infetada.
- Evite os rituais de sepultamento  e costumes fúnebres que requeiram tocar no corpo de alguém que tenha falecido devido à doença do Ébola.
- Evite o contacto com morcegos e primatas, ou com o sangue, os líquidos ou a carne desses animais.
- Evite ir aos hospitais onde recebem tratamento doentes com a doença do Ébola.
- Após o seu regresso, vigie a sua saúde durante 21 dias e procure atenção médica imediatamente se lhe aparecer algum dos sintomas da doença do Ébola.

Tome as precauções devidas, mas não se alarme!

O atual brote do vírus do Ébola não se contagia por via aérea, mas sim por contacto direto ou indireto com fluidos de pessoas infetadas por este vírus. Isto significa que se devem extremar as precauções em torno de uma pessoa infetada por Ébola, mas ao tratar-se de um vírus não contagioso por via aérea, o resto da população não terá que levar a cabo medidas especiais para evitar o contágio. Além disso, a pessoa não é contagiosa até ao inicio dos sintomas, o que facilita as medidas de proteção.

Uma vez falecida, deve incinerar-se tanto o cadáver como a roupa que esteve em contacto com a pessoa falecida por Ébola. Mas as cinzas pertencentes ao cadáver já não representam em principio perigo.

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Prevenção do cancro do estômago (Dr. Oz em português)

O cancro de estômago é um dos cancros mais difíceis de detetar e que frequentemente se deteta quando já está numa fase avançada. Uma das perguntas mais comuns sobre este cancro é se há maneira de o prevenir. E a resposta é: felizmente sim. Hoje "Os Meus Remédios Caseiros" traz-lhe alguns conselhos (os conselhos do dr. Oz) que a podem ajudar a prevenir o cancro do estômago. Leia com atenção.

Os alimentos que combatem o cancro do estômago



Frutas cítricas. Não é nenhum segredo. As laranjas, tangerinas e clementinas são dos maiores fornecedores de vitamina C. E a vitamina C serve para mais do que simplesmente curar constipações. Ela também combate o cancro. A vitamina C combate os radicais livres, perigosos compostos que surgem como parte do metabolismo do corpo. Tal como os automóveis produzem gases e as chaminés das fábricas produzem fumos, as reações químicas no nosso corpo produzem radicais livres que podem danificar o ADN. E os danos no ADN são o primeiro passo no processo do cancro. Assim, a vitamina C serve de escudo, neutralizando os radicais livres que se vão formando.

Mas se está a pensar que tem que ingerir todo um pomar de citrinos para se proteger contra o cancro, está enganada. É muito mais simples: basta uma destas frutas por dia para que o seu corpo se beneficie das suas virtudes anticancerígenas.

As frutas cítricas também contêm nutrientes menos conhecidos, os flavonoides, que inibem as células cancerosas de serem capazes de invadir os tecidos corporais sãos. Os flavonoides não estão na parte principal da fruta - eles encontram-se na casca. Por isso, um pouco de casca de laranja ralada acrescentada à sua salada não só a torna mais bonita, como também mais saudável.

Assim, as frutas cítricas ajudam de duas maneiras: a vitamina C evita o surgimento do cancro e os flavonoides impedem que as células cancerosas já existentes lhe causem mais dano.


Cenoura. A cor laranja brilhante vista na cenoura é o betacaroteno, um antioxidante de grande alcance. Tal como a vitamina C, o betacaroteno também combate os radicais livres. Com efeito, os dois trabalham em equipa. A vitamina C patrulha o sangue, neutralizando os radicais livres que aí se encontram; e o betacaroteno guarda a superfície das células.


Batata doce. A batata doce também é rica em betacaroteno, como se pode concluir da sua cor alaranjada. Mas contém ainda um outro ingrediente secreto: o ácido cafeico. E não, não está relacionado com café ou cafeína. O ácido cafeico corta o fornecimento de sangue aos tumores em crescimento. Já sabe.


Allium. O alho (e também as cebolas, as chalotas e os porros) é um eficaz combatente do cancro. O motivo? A alicina. Enquanto está na prateleira, o alho tem muito pouco cheiro. Mas se esmagar um dente de alho, o seu intenso aroma emergirá rapidamente. Isto é por causa da alicina. A alicina, que se forma a partir de compostos naturais presentes no alho e que só é liberada quando este é esmagado, combate o cancro.

E a boa noticia: para se beneficiar dos maravilhosos poderes anticancerígenos do alho, não tem que comer alhos até tresandar. Um ou dois dentes de alho por dia já são benéficos para a sua saúde. Mas atenção! Deve esmagar os dentes de alho e esperar cerca de 10 minutos antes de os cozinhar, para que se forme a alicina. Se for impaciente e cozinhar logo o alho, estará a deter a formação da alicina.

Cítricos, cenouras, batatas e alhos. Eis uma eficaz equipa no combate ao cancro do estômago. Mas ainda há mais que deve saber para se poder proteger devidamente contra este mal.

Alimentos prejudiciais que deve evitar



Produtos cárneos. As carnes que se conservam através de um processo de cura, de fumo ou da adição de nitritos, são chamadas de "carnes processadas" e incluem salsichas, toucinho, presunto, mortadela...Estas carnes estão intimamente relacionadas com o cancro do estômago. E se há médicos que aconselham moderação no consumo deste tipo de produtos, também há outros que são de opinião que eles devem ser totalmente evitados, pois a evidência que os vincula ao cancro do estômago é muito convincente. Isto é especialmente importante no que diz respeito às crianças (atenção aos cachorros quentes!).


Alimentos salgados. O nosso corpo precisa apenas de uma pequena quantidade de sal por dia para funcionar devidamente. Mas muitas de nós consumimos mais sal do que necessitamos. Em excesso, os alimentos salgados estão relacionados com o cancro do estômago. Corte nas batas fritas de pacote, nos queijos, conservas salgadas e no saleiro.


Helicobacter pylori. A última coisa a evitar não é um alimento, mas uma bactéria chamada Helicobacter pylori. É uma bactéria comum, que pode originar gastrite e úlcera de estômago. Muitas pessoas no mundo inteiro têm esta bactéria. Pode recorrer ao seu médico para confirmar se tem a H. pylori e, se sim, este pode receitar-lhe um tratamento simples, à base de antibióticos, para acabar com ela. Pela sua saúde.

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Contracepção natural (métodos naturais para evitar a gravidez)

Os métodos naturais para evitar a gravidez baseiam-se no funcionamento do aparelho reprodutor da mulher e do aparelho reprodutor do homem; portanto, não é usado nenhum mecanismo de proteção externo ao corpo. Por exemplo, no caso da mulher têm-se em conta os dias férteis durante os quais ocorre a ovulação e há um maior risco de engravidar. No caso do homem tem-se em conta o controle da ejaculação.

Estes métodos têm a seu favor: não provocam no organismo os efeitos secundários associados aos métodos artificiais de controle da gravidez.

Estes métodos têm contra si: não são 100% fiáveis, pois baseiam-se em padrões menstruais regulares sem ter em conta fatores externos ou internos que podem alterá-los. Além disso, nenhum deles oferece proteção contra as doenças sexualmente transmissíveis.

Abstinência. A abstinência não pode faltar numa lista de métodos anticoncepcionais naturais. É técnicamente impossível que a gravidez ocorra sem se ter relações sexuais. Os jogos sexuais que não implicam o contacto entre órgãos genitais são considerados seguros.


Método lactacional. Este é um método muito eficaz, mas que implica que a mulher tenha acabado de ter um bebé. Durante os primeiros seis meses após o parto, nas mulheres que estão a amamentar, a sucção do bebé inibe a produção de hormonas para a ovulação. Em consequência, não se pode conceber outro bebé. Este método tem 98% de eficácia, caso se cumpram todas as condições: que à mãe não lhe tenha voltado a menstruação, que esteja a amamentar plenamente e que o bebé tenha menos de seis meses.

Interrupção do coito. Também conhecido como "marcha atrás", este método anticoncepcional natural consiste na retirada do pénis da vagina antes da ejaculação. É uma das práticas anticonceptivas mais antigas. Porém, de todos os métodos anticoncepcionais naturais que existem para evitar a gravidez, este é talvez o que apresenta a menor eficácia: em cada 100 casos em que é utilizado ocorrem entre 16 e 22 gravidezes. A sua eficácia só está garantida pelo seu uso correto. A gravidez produz-se durante a relação sexual, mas nem só a ejaculação profunda na vagina a gera. Antes da ejaculação final podem passar desapercebidas várias ejaculações mais pequenas que se iniciam até mesmo antes da penetração, durante o jogo sexual. Estas secreções contêm espermatozóides em quantidade suficiente para fecundar o óvulo.


Método de Billings. Este método baseia-se na interpretação das mudanças na quantidade e na qualidade do muco vaginal que aparece na maioria das mulheres ovulatórias. Nos dias não férteis, o muco vaginal apresenta-se escasso, turbo e amarelado. Nos dias férteis mostra-se mais elástico, transparente e em maior quantidade. Estas propriedades são as que facilitam a ascenção dos espermatozóides até à cavidade uterina. A ovulação ocorre um dia antes, durante ou no dia a seguir à secreção mais abundante. Quando se nota maior secreção e transparência, o casal deve abster-se de ter relações sexuais. Ter relações sexuais volta a ser seguro quatro dias depois do muco transparente, quando este retoma a sua viscosidade e espessura.

Método do ritmo (ou de Ogino). Este método foi proposto por Ogino no inicio dos anos 30 e constitui o primeiro método de planificação familiar. Consiste em levar a cabo, pelo menos durante seis meses, um registo das datas em que se inicia a menstruação, com a finalidade de conhecer em que dias tem lugar a ovulação. Como a ovulação se produz entre 12 e 15 dias antes da menstruação, considera-se que os dias férteis das mulheres com ciclos regulares de 28 dias são os compreendidos entre o 9º e o 18º dias, contando desde o primeiro dia da menstruação.

No caso das mulheres cujo ciclo dura entre 25 e 35 dias, os dias férteis encontram-se entre o 7º e o 21º dias a partir do dia em que teve inicio a menstruação.

Lembre-se também que o óvulo tem uma vida de cerca de 24 horas, período durante o qual pode ser fecundado por um espermatozóide. E que os espermatozóides podem sobreviver no aparelho reprodutor feminino pelo menos até 72 horas.


Cálculo de Ogino

Segundo Ogino, ao ciclo mais curto subtraem-se 19 e ao ciclo mais longo subtraem-se 11 e isto dá-nos os períodos de fertilidade e infertilidade natural.

Ex: Ciclo mais curto = 28 dias e Ciclo mais longo = 36 dias
         28 - 19 = 9                          36 - 11 = 25
O primeiro dia fértil seria neste caso o 9º e o último dia fértil seria o 25º.


Método da temperatura. Para aplicar este método, a mulher deverá medir a sua temperatura corporal basal (temperatura ao acordar de manhã e antes de fazer qualquer esforço) diariamente. A temperatura corporal basal é ligeiramente mias baixa antes da ovulação e sobe umas décimas após a ovulação. E, sim, com este método só saberá que ovulou depois de já ter ovulado. Por isso, seja disciplinada e anote toda a informação durante uns meses. Após uns meses de anotações rigorosas ficará a saber quais são os dias do mês em que tende a ovular. E, tendo em conta a vida do óvulo e dos espertazóides, deverão ser evitadas as relações sexuais desde quatro dias antes da ovulação até dois dias após a mesma.


Monitor de contracepção Clearblue. Este é um método anticoncepcional natural. Carece de efeitos secundários, não requer o uso de medicamentos e é fácil de usar. O seu funcionamento baseia-se nas mudanças hormonais na urina para determinar quais os dias do ciclo menstrual que apresentam uma maior probabilidade de gravidez.

94% de fiabilidade. O monitor de contracepção Clearblue tem 94% de fiabilidade, o que significa que, de cada 100 mulheres que o utilizam durante 1 ano, 6 delas ficarão grávidas.

O monitor controla 2 hormonas naturais presentes na urina. Mediante simples análises de urina, o monitor controla as mudanças que experimentam 2 hormonas (os estrogénios e a hormona luteinizante) para lhe poder indicar quando é seguro manter relações sexuais (os dias verdes) e quando existe risco de engravidar (os dias vermelhos).

Não apresenta efeitos secundários. Sem os efeitos secundários dos anticoncepcionais hormonais nem a incomodidade própria de outros métodos.


Anticoncepcional vegetal (Stevia)

Os índios Guarani do sul do Brasil utilizam "Ka`a he`ê" ("folha doce"), como se chama em Guarani, desde há centenas de anos como adoçante para as suas infusões de mate, e em várias tribos reportou-se o uso desta planta no controle da fertilidade das mulheres, sendo que estas bebem estas infusões por períodos prolongados, quando não desejam engravidar.

Aviso! Apesar da Stevia ter fama de um possível efeito anticoncepcional no organismo da mulher lembre-se que, como qualquer outro método anticoncepcional natural, este também não é um método 100% fiável.

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Evitar o mau cheiro nas axilas (remédios caseiros)

Temos milhares de glândulas sudoríparas que se encarregam de manter o nosso corpo fresco através da eliminação de toxinas e bactérias por meio da transpiração. E são precisamente essas bactérias as responsáveis pelo mau cheiro que às vezes se faz notar nas nossas axilas.

Como regras gerais para se livrar dos maus odores nas suas axilas, recomendo-lhe que se lave diariamente, que use um bom desodorizante e que vista roupas de algodão ou outros tecidos naturais que permitam que a sua pele respire. Se já cumpre com estes requisitos e mesmo assim as suas axilas cheiram mal, os seguintes truques caseiros podem ser-lhe úteis. Tome nota.

Bicarbonato de sódio e sumo de limão. Faça uma papinha misturando bicarbonato de sódio com sumo de limão e aplique-a nas axilas. Deixe atuar durante 20 minutos e enxagúe com água morna. Além de eliminar o mau cheiro, esta pasta caseira também branqueia as suas axilas. 

Atenção! Não se exponha ao sol enquanto estiver com o limão na pele, para prevenir o surgimento de manchas.

Tea Tree Oil. Misture 2 ou 3 gotas de tea tree oil numa tacinha de água, embeba um disco de algodão e passe-o pelas suas axilas. O tea tree oil é ideal para eliminar as bactérias que causam o mau cheiro.

Salva. Beba uma infusão de salva todos os dias, já que a salva contribui para regular a atividade das glândulas sudoríparas.


Ingredientes

1 colher (de chá) de salva
1 chávena (de chá) de água
Um pedacinho de pau de canela
Sumo de limão

Preparação

Leve a água ao lume, acrescente a salva e o pauzinho de canela e deixe ferver 1 minuto. Apague o lume e deixe repousar mais 1 minuto. Coe a infusão.

Utilização

Beba quente ou fria, com umas gotinhas de sumo de limão.

terça-feira, 2 de setembro de 2014

Spray de sal para ondular o cabelo (receita)

Já tentou de tudo para conseguir uma cabeleira cheia de ondas, mas não há maneira? Então preste atenção na seguinte receita caseira.

Se o seu cabelo é liso ou meio ondulado e quer conseguir um incrível efeito de ondas do mar, umas ondas naturais que durem o dia todo, o sal do mar pode ser o seu melhor aliado. Veja.

Ingredientes



1 chávena de água morna
2 colheres de sal marinho
2 colheres de óleo de coco
2 colheres de creme de pentear (amaciador sem enxaguar)

Atenção! O sal deve ser de mar e não de mesa. O sal de mesa comum, além de não dar o mesmo resultado, também prejudicaria o seu cabelo, já que o ressecaria em excesso.

Preparação

Dilua o sal na água morna. Quando o sal estiver bem dissolvido, acrescente o creme de pentear e mexa. Finalmente, junte o óleo de coco e misture bem para obter um preparado homogéneo. Guarde o líquido obtido num frasco com pulverizador.

Utilização

Agite o frasco, borrife o cabelo (lavado e seco) até que fique bem húmido e amasse com os dedos para criar umas ondas naturais. Deixe o cabelo secar naturalmente. Se o seu cabelo é naturalmente liso, enrole as madeixas para conseguir o resultado desejado. Enrole-as formando pequenos coques e prenda-os com ganchos. Quando o cabelo estiver quase seco, solte as madeixas e agite delicadamente a cabeça. Verá que efeito!

segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Máscara anti-flacidez para umas nádegas firmes

Se pensa que apenas à custa de árduo exercício físico pode chegar a conseguir umas nádegas mais redondas e esplêndidas, está redondamente enganada! Existem ingredientes naturais que são capazes de tonificar e firmar a pele das suas nádegas, contribuindo assim para que estas se mantenham no lugar certo. O segredo está em saber quais são. Confira.

Não praticar nenhum tipo de atividade física e uma alimentação errada, cheia de excessos doces ou gordurosos, são as principais causas de umas nádegas flácidas e sem graça. E não há nada mais triste do que um bumbum sumido, caído e triste. Mas se as suas atividades diárias não lhe permitem fazer exercício nem alimentar-se adequadamente todos os dias, tenho a solução ideal para si: uma eficaz máscara natural anti-flacidez e reafirmante! Siga os passos simples e verá o incrível resultado.

Máscara anti-flacidez para umas nádegas mais firmes e radiantes


Ingredientes

2 colheres (de sopa) de azeite
1/2 quilo de morangos
1/2 quilo de kiwis
3 colheres (de sopa) de café em pó (sem cafeína)

Preparação

Bata as frutas no liquidificador até obter uma mistura uniforme. Coloque a mistura numa taça de vidro e acrescente o azeite e o café em pó. Mexa bem para obter um preparado homogéneo.

Utilização

Ponha uma toalha ou lençol velho em cima da sua cama ou de um tapete. Enfim, em cima de uma superfície onde se possa deitar e sentir o mais cómoda possível. Deite-se de barriga para baixo. Tome um pouco da mistura com as mãos e vá-a aplicando nas suas nádegas, com movimentos circulares, até cobrir toda a área. Deixe atuar durante 25 minutos. Depois, enxagúe com água bem fria. Aplique esta máscara 2 vezes por semana e depressa notará os excelentes efeitos.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...