terça-feira, 22 de julho de 2014

Remédios caseiros para fazer baixar a menstruação atrasada

Os dias passam e a sua menstruação não aparece? Bom, o primeiro que tem a fazer é comprar um teste de gravidez. Com efeito, a gravidez é uma das principais causas da menstruação atrasada. Principalmente quando esse atraso vem acompanhado de enjoo, sensibilidade nas mamas, cólicas, cansaço e muita vontade de fazer xixi. Faça o teste de manhã, pois nesse momento a urina concentra uma maior quantidade de hormonas, diminuindo por isso a possibilidade de obter um resultado errado. 
Ora, uma vez eliminada a preocupação de uma gravidez, veja quais as outras possíveis causas do seu atraso.

Perdeu ou ganhou peso? É que emagrecer ou engordar bruscamente podem causar a ausência do período menstrual. Tenha cuidado com estas oscilações.

Pratica exercício físico exigente? Neste caso fala-se de "amenorréia atlética". Acontece com mulheres que se dedicam a corridas de longa distância, ballet, ginástica artística, etc.

Tem SOP? O síndrome do ovário policístico (SOP) é uma doença que consiste na formação de pequenos quistos nos ovários, provocando um desiquilibrio hormonal que causa irregularidades menstruais.

Sofre de alguma doença crónica? As mulheres que sofrem de doença crónica são mais propensas a ter ciclos menstruais irregulares.

Tem trabalhado ou estudado demasiado? Muito trabalho ou estudo podem causar um estado de stress que afeta a menstruação.

Se já se assegurou que não está grávida e não tem nenhum problema de saúde especial que precise de ser tratado por um médico especialista, então pode tentar fazer baixar a sua menstruação atrasada usando algum dos seguintes remédios caseiros.

Óleo de salva

A salva ajuda a regular o sistema hormonal, favorecendo a chegada da menstruação na hora certa cada mês.

Ingredientes

Folhas frescas de salva
150 ml de óleo de girassol
Um pouco de água de rosas

Preparação

Bata todos os ingredientes no liquidificador até obter uma mistura homogénea. Guarde-a num frasco de vidro com tampa.

Utilização

Aplique um pouco da mistura na zona dos ovários, massajando suavemente em sentido circular. Faça-o 2 vezes por dia. Atenção: esta mistura não é para ingerir, mas para fazer massagens.

Infusão de tomilho e açafrão

Ingredientes

1 colher (de sopa) de tomilho
1 colher (de café) de açafrão
1/2 l de água

Preparação

Ferva as plantas na agua durante uns minutos. Coe.

Utilização

Beba 1 chávena (de chá) da infusão 2 vezes por dia.

Infusão de funcho

Ingredientes

1 chávena (de chá) de água a ferver
1 colher (de chá) de funcho

Preparação

Infunda a planta na água durante uns minutos e coe.

Utilização

Se quiser, adoce com adoçante. Beba 1 chávena de infusão de funcho de manhã e outra à noite.
Se beber chá de funcho durante a semana que antecede a menstruação, contribuirá para regular o seu período menstrual.

Infusão de canela

Ingredientes

1 pau de canela
1 chávena de água fervente

Preparação

Coloque o pau de canela numa chávena e acrescente a água fervente. Deixe amornar, retire o pau e beba em seguida. Se quiser, adoce com adoçante. A canela possui propriedades vasodilatadoras que estimulam a circulação sanguínea no organismo, contribuindo assim para fazer baixar a menstruação.

Aviso: no caso do teste de gravidez ter dado um resultado positivo, nenhuma das indicações acima deverá ser posta em prática.

3 comentários:

  1. E se estiver gravida pode beber?É abortivo?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pode beber o de canela ?É abortivo?e quando pode tomar a babosa com agua no primeiro mes?

      Eliminar
    2. Embora a canela quando ingerida em doses culinárias normais seja benéfica para a saúde, o seu consumo em excesso está completamente desaconselhado, especialmente em mulheres grávidas. O chá de canela quando consumido durante a gravidez pode provocar aborto em mulheres predispostas devido à sua ação no útero.

      Um estudo publicado pelo American Journal of Epidemiology indicou que os filhos de mulheres que ingeriram canela em grandes quantidades durante a gravidez tendem a apresentar déficit de atenção, hiperatividade e comportamento agressivo.

      Também o aloe vera (babosa) está desaconselhado durante a gravidez por o seu consumo durante este período da vida poder causar complicações e até aborto.

      Por isso, se estiver grávida, fuja destas duas substâncias e consulte imediatamente o seu médico.

      Isabel Gomes

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...