quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Calmantes naturais

Se está a passar por uma situação que a ultrapassa e vê que o seu nervosismo aumenta e se sente dominada pela angústia, saiba que há plantas que são capazes de melhorar a sua situação, sem ter que recorrer a calmantes artificiais, com os seus efeitos secundários indesejáveis.

A tília, a erva-cidreira e as folhas de laranjeira são calmantes naturais e suaves para os nervos. Tranquilizam, equilibram as emoções e ajudam as pessoas que sofrem de insónia ou têm dificuldades para adormecer a conciliar o sono.


Chá de folhas de laranjeira

Ingredientes

Folhas de laranjeira, lavadas e rasgadas

Água

Mel de laranjeira

Preparação

Coloque 1 colher (de sopa) de folhas de laranjeira numa chávena e acrescente água a ferver. Deixe repousar durante 10 minutos, coe e adoce a gosto com mel de laranjeira.

Utilização

Beba ainda morno.

Chá de tília

Ingredientes 

Folhas de tília (secas)

Água

Mel

Preparação

Coloque 1 colher (de sobremesa) de tília seca numa chávena e acrescente água fervente. Deixe repousar durante 10 minutos, coe e adoce a gosto com mel.

Utilização

Beba ainda morno.

Chá de erva-cidreira

Ingredientes

Folhas de erva-cidreira (secas)

Água

Mel

Preparação

Coloque 1 colher (de sopa) de erva-cidreira numa chávena e acrescente água a ferver. Deixe repousar durante 5 minutos, coe e adoce a gosto com mel.

Utilização

Beba ainda morno.

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Antenas e ondas eletromagnéticas: são prejudiciais?

As ondas eletromagnéticas estão por todo o lado. Os fornos microondas, computadores, telemóveis, redes wifi e muitos outros aparelhos que usamos todos os dias emitem ondas eletromagnéticas. E apesar de estar provado que estes aparelhos podem causar perturbações em algumas pessoas mais sensíveis, continuamos a usá-los. E não podemos passar sem eles. Enjoos, náuseas, dores de cabeça, picores, etc. , são alguns dos sintomas da hipersensibilidade eletromagnética. Para os prevenir e melhorar a nossa qualidade de vida, devemos limitar ao máximo a nossa exposição a cada fonte de radiação eletromagnética.


1- Examine bem o lugar onde dorme já que quando o seu corpo está em repouso é quando está mais vulnerável. Enquanto repousa, o seu corpo segrega uma série de substâncias vitais para o correto funcionamento do seu organismo, como a hormona melatonina (responsável pela estimulação do sistema imunológico e limpeza de radicais livres, por exemplo) e que se pode ver afetada se você estiver submetida a radiações.

2 - Procure situar o seu estúdio ou mesa de trabalho num lugar da casa com pouca radiação.

3 - Os alimentos ricos em melatonina, como as nozes e o cacau, e em triptófano, como a banana, podem ajudá-la a recuperar o equilíbrio perdido. Também os alimentos ricos em ácidos gordos ómega-3, como o óleo de linho, e em enxofre, como o alho e o requeijão, melhoram a circulação sanguínea e ajudam a diminuir as dores de cabeça associadas.

4 - Os metais pesados (mercúrio, chumbo, cádmio...) que se acumulam no nosso corpo com os anos e que vêm de alimentos contaminados, amalgamas na boca ou de tubagens antigas que transportam a água que bebemos todos os dias, podem aumentar a sensibilidade às radiações (os metais são bons condutores da eletricidade). Para ajudar a expulsar do organismo estes produtos tóxicos é boa ideia consumir algas chlorella, alhos e coentros.

5 - Troque as roupas sintéticas, que favorecem a eletricidade estática, por tecidos de origem natural, como o linho ou o algodão.

6 - Use sempre sapatos com solas de couro. Sentirá um bem-estar imediato. Pelo contrário, as solas plastificadas isolam-na do solo e favorecem o aumento da voltagem corporal.

7 - Evite utilizar o telemóvel dentro de estruturas metálicas (carro, comboio, elevador...) e em lugares com pouca cobertura de rede, pois é quando ele emite com a potência mais alta e portanto com uma radiação maior.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Pastilha elástica: faz bem ou faz mal?

Quem nunca mascou uma pastilha elástica ao menos uma vez na vida? Provavelmente já todas nós nos divertimos a fazer e a rebentar bolinhas coloridas. E, na verdade, mascar pastilha elástica não faz bem nem mal, desde que esse costume não se torne num vicio diário.

Então, confira aqui as vantagens e as desvantagens deste doce tão divertido, que existe em centenas de cores e sabores.


Vantagens

Um calmante contra a ansiedade pela comida: se está a dieta, ou já tem muita fome mas ainda não pode comer, a pastilha ajudá-la-à a acalmar a ansiedade pela comida. Mesmo que não esteja a comer verdadeiramente, o seu corpo vai pensar que sim está a comer, o que faz com que sinta certa sensação de saciedade. Como é óbvio, isto não é algo que deva fazer o tempo todo, mas em situações pontuais, quando começou uma dieta e quer evitar comer demais, ou quando tem que aguentar ainda um pouco até poder ir jantar, em situações assim, mascar pastilha pode ser um truque válido.

Para controlar o nervosismo: quando está em época de exames, a pastilha elástica pode ser uma boa aliada para acalmar o nervosismo prévio, já que é uma maneira de expulsar os nervos para longe de si e poder concentrar-se no estudo.

Contra o mau hálito: depois de uma refeição abundante e muito condimentada, e se não pode lavar logo os dentes, uma simples pastilha de hortelã pode ajudá-la a refrescar o hálito. 

Desvantagens

A pastilha elástica não é um alimento e por isso não é boa ideia abusar dela. O facto de enganar o estômago, fazendo-o crer que está a comer, pode acalmar momentaneamente a sensação de fome, mas também faz com que entre ar no estômago, causando gazes, acidez e irritação intestinal.

O facto de mascar pastilha constantemente pode causar desgaste nos dentes molares, já que se trata de uma ação repetitiva durante vários minutos. 

Não há dúvida que as pastilhas elásticas são uma delicia e que fazer bolas pode ser muito divertido, mas não exagere. Tudo tem os seus limites. Como último conselho, lembre-se que também para mascar há momentos oportunos. Não masque pastilha elástica durante as refeições, nas aulas ou num ambiente formal. Se as pastilhas lhe servem para libertar os nervos, masque antes.

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Remédios caseiros contra as verrugas plantares

Uma verruga plantar pode ser muito incómoda e até dolorosa. Para a curar, existem alguns remédios caseiros, simples e muito eficazes. Descubra a seguir dois remédios anti-verrugas das nossas avós e diga adeus a essa verruga plantar que tem vindo a amargurar a vida do seu pé.


Remédio 1

Ingredientes

Cascas de banana
Compressas

Utilização

Coloque um pedacinho de casca de banana (lado interior branco) sobre a verruga. Mantenha-o no lugar com a ajuda de uma compressa. Mude a casca de banana e a compressa todos os dias. Repita o tratamento até que a verruga desapareça.

Remédio 2

Ingredientes

Cascas de limão
Vinagre branco
Frasco de vidro com tampa
Compressas

Preparação

Coloque as cascas de limão no frasco de vidro e acrescente vinagre branco até cobrir. Deixe macerar a mistura durante 2 dias.

Utilização

Besunte a verruga com o líquido obtido. Em seguida, coloque um pedacinho da casca de limão macerada (parte branca) sobre a verruga. Mantenha-o no lugar com a ajuda de uma compressa. De manhã retire a compressa e lave o pé. Repita o tratamento todas as noites, até que a verruga desapareça.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Chá de carqueja para emagrecer, limpar a pele e muito mais...

A carqueja, também conhecida como flor-de-carqueija, é uma planta medicinal muito usada para tratar a constipação e transtornos digestivos. O seu nome cientifico é Baccharis trimera e é muito comum em zonas montanhosas, como a Serra da Estrela. Para além do seu uso medicinal, esta planta também foi usada antigamente como forragem para o gado, sobretudo durante o inverno, e como combustível para os fornos de pão, por ser altamente inflamável.


As suas flores são comestíveis e é famoso em Portugal o tradicional arroz de carqueja.

Propriedades da for de carqueja

Limpeza do organismo: a carqueja é uma planta diurética com extraordinárias capacidades para manter o corpo limpo e, portanto, saudável.

Emagrecimento: o chá de carqueja é muito útil para emagrecer já que, ao purificar o organismo, ajuda o corpo a livrar-se da gordura em excesso.

Colesterol: devido às suas propriedades depurativas, o chá de carqueja também é recomendado para baixar o colesterol alto e os triglicéridos.

Pele saudável: um organismo limpo é sinónimo de uma pele bela e sã. A infusão de carqueja ajuda a tratar acne, pele seca e apagada, erupções, etc.

Problemas de fígado: uma das maiores virtudes do chá de carqueja é a sua ação benéfica sobre o fígado. Se sofre com cólicas biliares ou secreção insuficiente da bílis beba infusão de carqueja.

Rins saudáveis: a carqueja é uma planta com propriedades diuréticas e por isso muito recomendada para purificar os rins.

Estômago em ordem: a infusão de carqueja é muito eficaz para manter o estômago em boas condições. Tome antes de uma refeição copiosa para auxiliar a digestão.

Alergias: num organismo limpo não há lugar para alergias.  Se evitar chocolates, enchidos, açúcar refinado e outros alimentos que causam alergias e tomar infusão de carqueja, verá como as alergias vão rapidamente por onde vieram.

Elixir da juventude: em alguns lugares do mundo o chá de carqueja é usado para manter a juventude e prolongar a vida.

Circulação sanguínea: o chá de carqueja promove uma boa circulação do sangue.

Parasitas intestinais: uma boa infusão de carqueja ajuda a eliminar os parasitas intestinais.

A carqueja tem também ppropriedades anti-reumáticas, anti-sépticas e pode ser usado externamente para limpar feridas e outras afeções da pele.

Infusão de flor de carqueja para purificar o corpo e emagrecer

Para purificar o fígado e facilitar a eliminação adequada de toxinas e gordura acumulada, prepare esta infusão.


Ingredientes

1 colher (de sopa) de flor de carqueja
1 l de água

Preparação

Leve a água ao lume e quando começar a ferver acrescente a carqueja. Deixe ferver durante 5 minutos, retire e deixe repousar durante 5 minutos mais. Coe.

Utilização

Beba duas chávenas da infusão por dia, uma em jejum e outra antes de se deitar.

Nota: grávidas e mulheres que amamentam não devem beber o chá de carqueja.

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Limão, o seu melhor aliado detox

Com apenas 19 calorias por cada 100 gramas, o limão é um precioso aliado quando se trata de perder peso e purificar o organismo.

Da raspa, à polpa e ao sumo tudo é bom, saudável e benéfico no limão. Este pequeno aliado amarelo deve ocupar um lugar importante na sua alimentação e estar sempre presente na sua cozinha.


Purificar o corpo

Começar o dia com um sumo de limão diluído em água morna é um excelente hábito que lhe permitirá afinar a sua silhueta e desintoxicar o seu organismo. O alto conteúdo em vitamina C do limão irá impulsionar o seu corpo, permitindo-lhe queimar mais calorias. O limão também tem virtudes desintoxicantes pois as suas propriedades diuréticas estimulam a atividade renal e ajudam a eliminar toxinas.

Moderar o apetite

O limão é um corta-fome natural que estabiliza os níveis de açúcar no sangue. Graças à pectina, uma fibra que incha em contacto com a água no estômago, o limão envia uma mensagem de saciedade e previne as pequenas fomes. O recomendável é beber um sumo de limão antes das refeições principais.

Uma boa digestão

O limão, se consumido em jejum, limpa o fígado e favorece a digestão. Por isso, ao levantar-se da cama, não se esqueça do seu sumo morno de limão. O limão também é um aliado do seu estômago. Algumas gotas de limão pingadas na sua comida melhoram a sua digestão. E nada melhor que terminar uma refeição muito rica com algumas rodelas de limão.

Lutar contra a celulite

Contra a retenção de água não há nada melhor que uma limonada logo pela manhã, em jejum. Com efeito, as virtudes diuréticas do limão favorecem a eliminação da água retida, o que faz do limão um bom aliado na luta contra a celulite.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

5 remédios naturais que encontra na sua cozinha

De certeza que no armário da sua cozinha tem café, chá ou pimenta. Mas sabia que pode usar estes produtos para curar alguns dos seus incómodos habituais? Dores de cabeça, aftas ou picadas de insetos: descubra quais são os ingredientes mágicos que deve ter sempre à mão.

Picadas de insetos: Vinagre branco

Todos os meses de verão é a mesma coisa: as picadas de melga ardem-lhe terrivelmente e não tem à mão nenhum creme que as possa acalmar de forma eficaz. Neste caso o vinagre branco é a cura ideal para si: rico em acido acético, consegue acalmar o prurido em minutos.


Remédio: em caso de picadas de insetos, embeba uma compressa em vinagre branco e aplique-a durante alguns minutos na zona afetada. Repita 2 ou 3 vezes por dia.

Aftas: saquinhos de chá

As incomodativas aftas! Abusou das nozes e agora tem aftas na boca? Socorra-se do chá. Os taninos do chá (especialmente os do chá verde) têm efeitos adstringentes que secam as aftas na sua boca, aliviam a dor causada pelas lesões e aceleram a cura.


Remédio: mergulhe um saquinho de chá em água, esprema-o ligeiramente e, em seguida, aplique-o diretamente contra a afta. Deixe atuar durante alguns minutos. Repita diariamente até que a afta desapareça por completo.

Dores: pimenta de caiena

A pimenta de caiena ajuda a acalmar as dores. Porquê? Porque contém um ativo chamado capsaicina que possui um efeito analgésico que permite atenuar as dores articulares (artrose...) e algumas dores musculares.


Remédio: misture 1 colher (de chá) de pimenta de caiena com 1 colher (de chá) de óleo vegetal. Mexa bem, aplique a mistura sobre a zona dolorida e coloque uma gaze em cima. Esta é a melhor compressa quente 100% natural que ajuda a acalmar a dor.

Nota: no fim, não se esqueça de enxaguar bem a zona com água morna e de aplicar o seu hidratante habitual, para evitar que a pele se resseque em excesso.

Dores de cabeça: café

Normalmente pensamos que o café provoca dores de cabeça, mas afinal... é o contrario. Vários estudos demonstraram os efeitos analgésicos da cafeína. Um cafezinho pode ajudá-la a acabar com a sua dor de cabeça. Simples assim.


Remédio: beba um café bem forte, de preferência sem açúcar nem leite e, se possível, antes das 16 horas.

Azia: bicarbonato de sódio

Sabia que o bicarbonato de sódio alimentar é o remédio perfeito para superar a azia? Graças ao seu PH elevado, o bicarbonato de sódio ajuda realmente a neutralizar o ácido clorídrico responsável pelo ardor. 


Remédio: dissolva 1 colher (de chá) de bicarbonato de sódio num copo de água. Beba em seguida.

Nota: porém, não abuse deste remédio simples. Use-o com parcimónia, apenas em situações pontuais, para evitar fragilizar o equilíbrio ácido-base do estômago.

domingo, 7 de dezembro de 2014

Receita de sumo natural emagrecedor

Este sumo natural, além de ser uma ajuda mais para perder peso, também contribui para a sua saúde.

Sumo de ananás, papaia e lima

Ananás: o ananás é uma excelente fonte de substâncias nutritivas que ativam o metabolismo das gorduras, tais como manganésio, magnésio, iodo, vitamina C e fibras. Contém ainda uma preciosa enzima digestiva e anti-inflamatória, a bromelina, que favorece a digestão, decompondo as proteínas.

Papaia: a papaia é rica em vitamina C e em enzimas que desempenham um papel importante na digestão e no metabolismo das gorduras, que ajudam a eliminar.

Lima: a lima atua baixando o nível de glucose no sangue e a produção de insulina pelo pâncreas, o que aumenta o metabolismo que permite queimar as gorduras.
A investigação sugere que consumir um sumo de cítricos alguns minutos antes das refeições, permitiria perder em média 2 quilos por mês, e isto fazendo refeições normais.

Preparação do sumo: misture 50% de sumo de ananás, 40% de sumo de papaia e 10% de sumo de lima.

Como utilizar o sumo: beba em seguida. Este sumo deverá ser consumido no fim das refeições porque, por conter um elevado teor de enzimas digestivas, exerce uma ação benéfica sobre a digestão.

sábado, 6 de dezembro de 2014

Truques de beleza e saúde com Sal de Epsom

O que é que queimaduras de sol, lábios secos ou picadas de insetos têm em comum? Tudo isso pode ser tratado com sal de Epsom. Composto de magnésio e sulfato, o sal de Epsom é um produto natural que pode ser usado para tratar desde a pele seca  ao inchaço dos pés.


Mais volume para o cabelo

Acrescente sal de Epsom ao amaciador e ajude a libertar o seu cabelo do excesso de óleo, deixando-o mais solto e com um volume extra. Crie o seu próprio volumizador caseiro, misturando sal de Epsom e amaciador em partes iguais. Aplique nos cabelos depois de lavados e deixe atuar durante 15 minutos. Enxagúe bem com água morna. Repita este tratamento uma vez por semana.

Alivio para as queimaduras de sol

As propriedades anti-inflamatórias do sal de Epsom tornam-no adequado para aliviar a irritação das queimaduras de sol (leves). Misture 2 colheres (de sopa) de sal de Epsom com 1 copo de água. Verta a mistura numa garrafa com spray e pulverize sobre a zona afetada.

Solução para os lábios secos

Se os seus lábios estão muito secos, ofereça-lhes um tratamento à base de sal de Epsom. Combine 1 colherzinha de sal de Epsom com 1 colherzinha de vaselina. Aplique a mistura nos lábios e esfregue delicadamente. O preparado ajuda a remover as pelezinhas secas e deixa os lábios mais hidratados, plenos e saudáveis.

Pedicure em casa

Cuide dos seus pés em casa com a ajuda do sal de Epsom. Misture 1/2 chávena de sal de Epsom numa bacia com água morna e sabão. Amoleça os pés durante alguns minutos, esfregando-os suavemente dentro da água. Depois, corte as unhas e empurre as cutículas. Volte a meter os pés na água mais alguns minutos, retire e seque-os bem. As propriedades do sal de Epsom  vão ajudar a suavizar a pele áspera e calejada, deixando os seus pés suaves e frescos.

Remédio para as picadas de insetos

Alivie a dor e o inchaço de uma picada de inseto usando uma compressa anti-inflamatória de sal de Epsom. Misture 2 colheres (de sopa) de sal de Epsom com 1 copo de água fria e mergulhe um pano de algodão na solução. Aplique a compressa na área afetada. Sentirá alivio imediato.

Limpeza facial profunda

As propriedades esfoliantes do sal de Epsom ajudam a limpar profundamente os poros. Para uma limpeza facial, misture 1/2 colher (de chá) de sal de Epsom com uma pitada de creme de limpeza. Aplique no rosto com movimentos circulares, lave com água fria e seque bem.

Sais de banho caseiros

Diga adeus aos sais de banho  caríssimos. A partir de agora pode fazer os seus próprios sais de banho misturando 2 chávenas de sal de Epsom com algumas gotas de corante alimentar e umas gotas do seu perfume preferido. Guarde num frasco de vidro e use uma mão cheia da mistura para cada banho.

Esfoliação corporal

Para uma esfoliação do corpo combine 2 chávenas de sal de Epsom com 1/4 de chávena de vaselina. Esta mistura funciona bem em peles muito secas e difíceis. Se quiser, acrescente à mistura umas gotas de colónia de lavanda, para uma sensação mais agradável.

Inchaço e outros problemas nos pés

A capacidade do sal de Epsom para reduzir o inchaço e aumentar a circulação faz com que seja um tratamento ideal para uma série de problemas relacionados com os pés: dores nas articulações, pés inchados, fungos nos pés e maus cheiros podem ser melhorados mergulhando os pés durante um quarto de hora num banho de pés com água quente e sal de Epsom.

Acelerar o bronzeado

Para acelerar o bronzeado, antes de apanhar sol, esfolie a pele do corpo, no banho, com um preparado à base de sal de Epsom. Combine sal de Epsom e borras de café em partes iguais. Acrescente óleo de sésamo, quanto baste para obter uma pasta suave. Aplique a mistura no corpo todo, com movimentos circulares. Finalmente, enxagúe-se.

Nota: está desaconselhado o uso de sal de Epsom em mulheres grávidas e pessoas com doença renal.

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Massagem redutora em casa

Quem não gosta de uma deliciosa massagem? Uma boa massagem pode ajudar a relaxar o corpo e a mente, a aliviar dores e até a perder peso. Sim, uma massagem redutora pode ajudá-la a reduzir essas gordurinhas das quais não se consegue ver livre, apesar da dieta e do exercício.

Como funciona a massagem redutora?

Através do calor, o movimento das suas mãos e o creme que aplicar, a massagem pode servir-lhe tanto superficialmente (para eliminar a celulite e atenuar as estrias), como interiormente, para melhorar a digestão, eliminar toxinas e reativar o seu metabolismo.

Do que é que precisa para fazer uma massagem redutora em casa?

Precisará de um pouco de creme hidratante ou creme redutor. Também irá precisar de um pouco de álcool medicinal, uma esponja suave e música para criar ambiente. Assim a experiência será mais agradável e relaxante.


Como fazer a massagem redutora?

Para começar, molhe um algodão em álcool e limpe suavemente a pele da zona que vai massajar, para eliminar a sujidade, a gordura e o suor.

Com as mãos ou com uma esponja suave, massaje a zona com movimentos circulares pequenos, no sentido dos ponteiros do relógio. Faça-o durante 10 minutos. Quando terminar, volte a passar delicadamente um algodão com álcool pela zona, para eliminar possíveis camadas de células mortas que se tenham desprendido.

Aplique o creme redutor e massaje em sentido circular. Faça movimentos de baixo para cima para que o creme penetre e se ative a circulação sanguínea. Faça-o durante 10 minutos.

Lembre-se: não é por aplicar mais creme que vai reduzir mais centímetros. O segredo está na massagem, na maneira como a faz e na constância que mantiver.

Dê palmadinhas na zona, sem provocar dor, durante cerca de 10 minutos. Isto provocará uma contração muscular que ajudará a queimar gordura e a tonificar a pele. 

Termine a massagem com um banho quente de poucos minutos, que finalizará com uma enxaguadela rápida de água fria.

Acompanhe a massagem redutora de uma alimentação saudável e exercício físico regular e notará os resultados.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...